quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

ESTADO NEGA UTI AÉREA A JOVEM GARANHUENSE




PLÍNIO 02Preciso de um avião de UTI para da continuidade ao meu tratamento em Curitiba-PR, no hospital Universitário Evangélico Área de Atuação Neurológica Geral.
Sofro a sete anos com uma doença rara e desconhecida. Apesar de apresentar todos os laudos médicos necessários, mesmo assim o estado de Pernambuco nega, dentro da competência do Ministério Público Federal conhecido por todos, eles recorreram contra a negação do estado. Embora seja um caso de estrema urgência, que a cada minuto que se passa agrava-se se tornando inviável qualquer tipo de procedimento.

De uma Mãe que não se cansa de lutar pelo seu filho.
O texto é de Jeane Marques, Mãe de Plínio Felipe

Quem Quiser Ajudar Pode Entrar em Contato Pelos Fones (87) 3761-0245 ou 9601-2585

texto e foto do Agreste Violento