quinta-feira, 27 de março de 2014

POLITICA: BANCADA DO PSB SE SENTIU ATROPELADA POR APOIO DE EDUARDO CAMPOS À CPI DA PETROBRAS

Publicado em 27/03/2014 às 8:09 por em Eleições, Notícias
Foto: Eduardo Braga/SEI
Foto: Eduardo Braga/SEI
Informação na coluna Painel da Folha de S. Paulo desta quinta-feira (27) registra que a decisão do governador Eduardo Campos de que o PSB apoiasse a instalação da CPI da Petrobras foi vista como um “atropelo” pela bancada do partido no Senado. O grupo de quatro senadores não foi ouvido pelo governador-presidenciável e ficou dividido ao meio sobre a investigação.
Um dos que resistiram foi o senador sergipano Antonio Carlos Valadares, que acabou assinando o requerimento depois. O primeiro suplente dele é o petista José Eduardo Dutra, que presidiu a Petrobras entre 2003 e 2005.
Já o amapaense João Capibaribe, que ainda não aderiu a investigação é alvo da campanha “Assina a CPI, Capi” nas redes sociais.
Campos, que inicialmente havia pedido cautela sobre as denúncias envolvendo a Petrobras passou a defender publicamente a importância de uma CPI nessa segunda-feira (24).
No programa de TV do PSB que vai ao ar nesta quinta, Campos dirá que a presidente Dilma Rousseff (PT) tem destruído a estatal.


blog do Jamildo