segunda-feira, 28 de abril de 2014

FESTIVAL VIVA DOMINGUINHOS



Garanhuns respira uma bela chuva, após um final de semana repleto de  arte e  história do nosso saudoso mestre Dominguinhos, como um bom presságio ao futuro anunciado pelo resultado do evento. O  centro da Cidade , a Praça e no  antigo fórum e nas atividades desmistificando a sanfona nas escolas  integrandosse a um momento histórico que Garanhuns leva ao mundo com muita magnitude e competência através da cadência do forró rico, bonito e tradutor da cultura de um povo.

A quem agradecer senão ao prefeito “topetudo e arrojado”, a Cirlene Leite- secretária de Cultura que tudo faz com maestria e amor; Aos seus competentes colaboradores, aos funcionários da prefeitura, a imprensa, aos historiadores como professor Vilela, aos colecionadores como Paulo Wanderley e José Mario Correia,  ao artesão que esculpiu a estátua do mestre na Praça que leva seu nome, ao artista espetacular que expôs sanfonas de várias gerações e preços no largo do Colunata, aos artesãos de Garanhuns, aos talentosos cantores garanhuenses e, sobretudo ao povo que brincou, prestigiou e fez desse evento a marca de um povo unido, forte, guerreiro e que ama a sua cidade, ao receber bem o turista, os cantores convidados e todos que visitaram Garanhuns nesse período promissor?

Promissor porque esse festival começou grande e sua tendência é ficar ainda maior, mais sólido e servir vitrine para outras cidades, estados e países, porque não? Afinal, somos bons nisso. Somos bons em apresentar ao mundo belezas e encantos mil...Clíma, flores, harmonia e união. 
Que assim seja, sempre!