quarta-feira, 20 de agosto de 2014

CRIME BRUTAL CEIFA A VIDA DO ESCRITOR DE "O GAFANHOTO E AS BORBOLETAS," JOÃO ARAÇA

Na noite desta terça feira, o escritor , autor  e poeta, João Araça teve sua vida ceifada com requísios de muita brutalidade e covardia. O  poeta, autor do livro GAFANHOTO E AS BORBOLETAS, teve seu corpo torturado e queimado. A brutalidade ocorreu em sua residência na Vila de Santa Rita, no município e Brejão.

Registramos um profundo pesar pela morte deste artista que acabava de criar a Associação dos Artistas de Brejão juntamente com outros artista daquela localidade.