quarta-feira, 6 de agosto de 2014

IZAÍAS LUTA EM BRASÍLIA PELA DUPLICAÇÃO DA 423


O prefeito Izaías Régis chegou em Brasília, na noite desta segunda-feira (04). Hoje pela manhã, o gestor seguiu com reuniões em gabinetes parlamentares.

Desde que assumiu em janeiro de 2013, o prefeito Izaías Régis busca manter uma pauta regular de viagens a Brasília (DF). Nestas viagens o prefeito visita gabinetes parlamentares, ministérios e acompanha de perto os contratos de repasse e convênios do Governo Federal com o município, bem como busca novas possibilidades de angariar recursos para Garanhuns. 
A viagem desta semana, particularmente, tem um significado especial para Garanhuns e para o Agreste Meridional. O prefeito deve se encontrar amanhã (06) com o Ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos e com o Gestor do DNIT(Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), acompanhado de dois senadores pernambucanos, Douglas Cintra(PTB) e Humberto Costa(PT) para tratar sobre a duplicação da BR-423. O foco da conversa é na publicação do Edital de Concorrência e na pré-aprovação de uma proposta de alteração do traçado de acesso da BR-423, ao ambiente urbano de Garanhuns.
A proposta de novo traçado, trabalho elaborado pela Secretaria de Planejamento de Garanhuns, traz rebatimentos de grandes impactos para a cidade. Estes impactos podem ser positivos se adotado o trajeto alternativo por fora da área urbana e, definitivamente negativos, se a obra for realizada pelo mesmo trajeto da atual BR-423, ou seja, por dentro da Cidade.
“De tão evidentes os benefícios da adoção do modelo que privilegia o traçado por fora da Cidade, somado aos fatos revelados pela força da vontade e da argumentação do Prefeito Izaías, pelas manifestações de apoio das Entidades representativas da sociedade civil de Garanhuns e, ainda, das vantagens de natureza construtivas, financeiras e de tempo de execução da obra, não se pode esperar, por uma simples questão de bom senso, que a proposta sofra qualquer restrição”, explicou o Secretário de Planejamento de Garanhuns, Fernando Nunes.
As vantagens do novo traçado, passando pelo espaço conhecido como “Papa Terras”, alcançando a BR-424, a três quilômetros do “Giradouro do Magano”, podem ser resumidas como a seguir:
*Reduz a distância do trajeto em 1,1, km;
*Reduz o investimento, em valores atualizados, em algo em torno de R$12 milhões, sobretudo pelo custo das desapropriações;
*Mesmo reduzindo o investimento ainda duplica 3 Km de outra Rodovia, a BR-424;
*Abrevia o tempo de execução em mais de dois anos;
*Evita um odioso “apartheid” entre duas importantes partes da Cidade;
*Eliminam, em grande medida, os incômodos causados pela presença de uma rodovia de longo curso no perímetro urbano. Esses incômodos são sentidos diariamente, por exemplo, a quem precisa acessar a UPA-E;
*Minimiza problemas com inúmeras atividades econômicas existentes na área de construção.
“Nós estamos confiantes de que esse novo traçado seja adotado pelo DNIT, bem como que o Departamento possa anunciar o início dessa obra tão representativa para Garanhuns e todo o Agreste Meridional. Portanto a nossa expectativa é que durante esse encontro tenhamos essas duas metas alcançadas: a licitação da obra e a adoção do novo traçado, para o bem de Garanhuns”, pontuou o Prefeito Izaías Régis.
Texto: Jornalista Jacqueline Menezes