segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

A CIDADE DE BUIQUE ESTÁ PRESTES A PERDER UMA DAS MAIS IMPORTANTES PÁGINAS DE SUA HISTÓRIA



                    Inevitavelmente  a  população do município de  Buíque no agreste do estado  estar prestes a vivenciar um dos mais tristes episódios  envolvendo um patrimônio que não tem preço na história de vida de várias gerações  que é o terreno, a casa e a  Capela de Nossa senhora das Graças.

                    Centenário assim como é a cidade, o terreno que abriga a casa das freiras e a capela de Nossa Senhora das Graças  tem uma das mais belas  cenas de participações na vida de cada cidadão e cidadã  Buiquense, local  destinado a religiosidade já testemunhou  centenas de batizados , residência das freiras e local onde se encontra os restos mortais de Monsenhor José Kherle  que também faz parte  do patrimônio histórico e cultural da cidade que  corre contra o tempo para não passar a ser mais um entre tantos na memoria de cada um.

                      De acordo com informações privilegiadas repassadas ao portal Girosocialb em forma de pedido de socorro, em 2005 uma freira  de nome Cleide pertencente a Congregação Irmãs Beneditinas  da virgem Maria designada para ficar como principal responsável da Casa Nossa Senhora das Graças em Buíque aproveitando a inocência de outras irmãs por baixo do pano resolveu empenhar o imóvel, o valor empenhado e a forma da qual foi usado ainda é um mistério  a única certeza que se tem é que  na próxima quarta feira,(25) o imóvel vai a leilão no prédio da justiça  Federal  da cidade de Arcoverde.

                  Ainda  de acordo com as informações, a divida hoje estar  com um valor de 950 mil Reais, tendo como lance mínimo no valor de 570 Mil reais um dos agravantes maiores que estar preocupando  tanto a freiras, entre elas Irmã Gertudes  é que além do leilão ser presencial também em tempo real estará sendo feito on-line   o que levar uma possibilidade maior de qual quer cidadão em território Brasileiro rematar  uma das principais paginas da historia de vida e religiosidade no município de Buíque.   

texto e foto do Blog Agreste MIX