sexta-feira, 22 de maio de 2015

NOTA DE REPÚDIO AO TEXTO PUBLICADO PELO VEREADOR GIL PM CONTRA BLOGUEIRA DE GARANHUNS

Destaque no Blog Vec

O blog V&C Garanhuns torna público o seu repúdio ao texto publicado pelo vereador Gil PM em seu Facebook onde o parlamentar, ao tentar se defender de críticas a sua postura em uma audiência pública na Câmara Municipal acerca da redução da maioridade penal, utilizou-se de um vocabulário desrespeitoso, inadequado e infeliz para referir-se  à jornalista e blogueira Selma Melo, editora do Blog Jornal Sináculo.  

A belicosidade, indelicadeza e furor observados nas palavras de Gil PM em nada combinam com a tolerância, cordialidade, discernimento e capacidade de absorvição à críticas que devem sempre nortear as ações dos representantes do povo.

Não nos cabe entrar na seara das posições antagônicas à redução da maioridade penal, discutidas na audiência pública, motivo que gerou a rusga entre o vereador e a jornalista, pois não estávamos no referido evento. Mas a nós está muito claro que a emenda de Gil PM saiu pior que o soneto.

No trecho onde ele diz "esta senhora que se diz ser jornalista, professora, atriz, advogada, jogadora de futebol, dançarina, malabarista, funkeira, e tantas coisas mais que eu nem me lembro", ofendeu sim a jornalista Selma Mello, não pela menção às ilustres profissões mas pela ironia e destempero do contexto. 

Na parte onde ele escreveu: "essa Senhora Selma Melo, que só gosta de bandido e que se diz ser vítima desses mal feitores.  Até então nunca presenciei essa senhora preocupada com as pessoas que tiveram perdas vitimadas por esses vagabundos, que ela quer dar chance a se reintegrar na sociedade, para votarem a cometerem os mesmos crimes", o edil foi extremamente desrespeitoso, não com a blogueira, mas com a mãe e a mulher Selma Melo.

É salutar e faz parte de uma democracia madura emitir opiniões públicas sobre aquilo que não concordamos ou quando nos sentimos injustiçados, mas é preciso saber colocar isso  de maneira ponderada, sem desqualificar aquele que tem opinião adversa, sobretudo quando se é um legítimo representante do povo.

Abaixo segue link para conferir o texto na íntegra.