sexta-feira, 22 de maio de 2015

NOTA DE REPÚDIO AS DECLARAÇÕES DO VEREADOR GIL PM


O Jornalismo como ferramenta democrática é indiscutivelmente o mecanismo que mais ampara o cidadão brasileiro, depois da Justiça. É através da notícia que repercute nacional ou internacionalmente que o sujeito, constituído de direitos é chamado à cena social, econômica e política de seu país. Fazer Jornalismo é está comprometido com a verdade, com a imparcialidade, isenção, com a ética. Debruçado na labuta, o profissional de imprensa antes de mais nada presta um serviço de interesse público, quando em virtude de um fato, ele investiga, contabiliza, relata e repassa o que de fato interessa a sociedade. Seus valores, oriundos de formação familiar somam-se aos éticos e morais adquiridos de forma acadêmica, essenciais para o exercício da profissão. O resultado disso é o que chamamos de imprensa branca (limpa).

A Jornalista Selma Melo, além de profissional de imprensa é Assistente Social. Nascida na cidade de Lagoa do Ouro, município situado no Agreste Pernambucano, adotou Garanhuns como sua cidade logo nos seus primeiros anos de vida. Passados mais de 50 anos, 30 deles dedicados a imprensa local, a profissional registra ainda um trabalho referência junto ao Sistema Penitenciário de Pernambuco. Em nosso município Selma atua na Cadeia Pública, onde coloca em prática projetos educacionais; projetos esses que preconizam os fundamentos mais básicos dos Direitos Humanos, garantindo a todos o acesso a educação, bem como um justo julgamento, sem que os menos favorecidos, os excluídos e as pessoas de cor, sejam desapercebidos no tocante ao pré-julgamento e discriminação.

Mulher, esposa e mãe com muita dignidade Selma é inteira e completamente comprometida com seu trabalho, hora investido na notícia, hora na ressocialização e reintegração social aplicadas aos reclusos do sistema penitenciário estadual. Selma ainda na busca por mais segurança foi uma das autoras do pedido que acabou por trazer a Delegacia da Mulher para nossa cidade hoje em pleno funcionamento. Seguindo na perspectiva de segurança foi uma das responsáveis pela realização por anos do evento intitulado “Caminha da Paz”, que erguia a paz elemento primordial para uma boa conduta. Assim é o cotidiano dessa mulher ativista e humanitária.

MOVIMENTO AMIGOS SOLIDÁRIOS (MAS)

O Movimento Amigos Solidários (MAS) encabeçado por Selma e pelo também Jornalista Gidi Santos é uma outra demonstração do compromisso social para com as pessoas de Garanhuns. O Movimento existe a 7 anos e recentemente promoveu um de seus maiores feitos, quando ao findar o ano de 2014 realizou evento beneficente no Distrito de Miracica, conseguindo com isso a doação de pouco mais de uma tonelada de alimentos, que revertidos para o Desafio Jovem Santíssima Trindade, fora de extrema valia.

           SELMA E JORNAL SINÁCULO: ALVOS DE PERSEGUIÇÃO POLÍTICA

O Jornal Sináculo, criado em novembro de 2005, prestes a completar 10 anos de existência, hoje com sua versão digital através do endereço www.blogjornalsinaculo.blogspot.com.br, é isento e imparcial no que se refere ao seu conteúdo de postagem. Prova disso é que até hoje nenhuma ação de danos morais, visando reparação, fora ingressada contra nós, demonstrando assim a idoneidade e responsabilidade com que tratamos os mais diversos temas.

Contudo, nem sempre somos entendidos. Mais ainda, as vezes somos mau entendidos. Assim, recentemente fomos alvos de uma investida infeliz, desrespeitosa e caluniosa por parte de um vereador local, quando usando de seu posto, agindo de má fé, na tentativa de intimidar pessoas, usou de redes sociais e outros veículos de comunicação, para tentar denegrir a imagem e trabalho do Jornal Sináculo e da Jornalista Selma Melo, não sabemos se num interesse pessoal ou conjunto a outros que assim o tenham. Nos referimos ao Sr. Givanildo da Silva de Lima , o popular Gil PM, eleito em 2012 para o exercício de seu primeiro mandato eletivo em Garanhuns, com término previsto para o ano de 2016.

MATÉRIA EXIBIDA PELO BLOG - Todos poderam acompanhar na semana passada, a exibição de matéria jornalística no Jornal Sináculo que trouxe o seguinte título: REUNIÃO DA SECRETARIA DE JUVENTUDE DEBATE A REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL; VEREADOR GIL PM É CRITICADO POR DISCURSO INFLAMADO. A matéria em questão traz a público, em razão de seu tema polêmico, uma discussão mais calorosa quando cada um com seu direito a livre manifestação assim o faz. Pessoas que acompanhavam a roda de debate na Câmara Municipal de Vereadores, bem como os que compuseram a mesa diretora fazendo uso da palavra que foi facultado, exibiram suas razões e estabeleceram onde cada um cabia com seu entendimento. Ocorre que dois dias após a exibição desta matéria onde reproduzimos na íntegra o discurso inflamado do vereador em questão, que aos gritos impossibilitou uma profissional Psicóloga de se posicionar, alegando que a mesma trabalhava atrás do gabinete e que portanto não podia falar sobre a questão, o mesmo começou uma série de ataques e ofensas pessoais dirigidas ao Jornal Sináculo e a Jornalista Selma Melo. Em seu perfil numa rede social Gil despontou com um linguajar promiscuo e pejorativo. Disse o vereador, se referindo a Selma Melo “quem gosta de bandido, bandido também é”. Pior ainda; com tom libertino e insinuador expôs público e notoriamente a pessoa da jornalista ao dizer: está senhora que se diz ser jornalista, professora, atriz, advogada, Jogadora de Futebol, dançarina, malabarista, Funkeira, e tantas coisas mais que eu nem me lembro, encenava com a história da carrocinha que é nova, já mostrando a sua opinião quando se refere a essas belezinhas que tem entre 16 e 18 anos”.

Com isso fica claro a maneira desonesta com que fomos tratados por uma pessoa que hoje ocupa lugar importante no município, se valendo de um debate não produtivo, não objetivo, acusando e desrespeitando uma profissional que há muito consolidou seu prestígio, sem nada que a condene. Assim fica registrado aqui nosso repúdio ao vereador Gil PM que agride com sua fala não somente a Jornalista Selma Melo, mas todas as profissionais Psicólogas, Assistentes Sociais, Jornalistas, as mulheres de nossa cidade.

CADEIA PÚBLICA DE GARANHUNS EMITE NOTA DE
REPÚDIO AO VEREADOR

A Cadeia Pública de Garanhuns, através de sua Direção, afrente Dr. Cícero Bezerra, torna público seu repúdio ao vereador Gil PM que desrespeitosamente se dirigiu a profissional Selma Melo; profissional que tem conduta impecável junto ao Sistema Penitenciário de Pernambuco. Falas dessa natureza repercutem claramente o pré-conceito, discriminação e intolerância, coisa que não comungamos e descredenciamos através deste.

NOTA: SECRETÁRIA MUNICIPAL DA MULHER
ELIANE VILAR SIMÕES

A forma predadora em que o sexismo, o machismo e a intolerância atuam, exige de nós mulheres, uma nova forma de luta,um novo horizonte. Ansiamos por uma sociedade garimpadas em territórios mentais , nos quais as ervas daninhas e a "ecologia das ideias nocivas" de preconceito e dominação,não encontrem guarida.Como mulher e como cidadã não aceito o tratamento reservado a Selma Mello. Discordar de opiniões é saudável e faz parte de uma sociedade democrática mas denegrir imagens, desrespeitar pessoas, humilhar a figura feminina, isso é inadmissível. 

Não entendo um representante político, com tamanho despreparo ético. Mesmo que se alegue a não intencionalidade fica evidente para mim e para todos com um pouco de bom senso, que houve flagrante violência moral e psicológica. Este tipo de violência não deixa marcas no corpo, mas fere profundamente o espirito.

Seria a mesma atitude tomada se o " opositor" fosse uma figura masculina ou trata-se de violência de gênero, por tratar-se de uma mulher? Uma pessoa pública deve estar preparada para ouvir elogios mas principalmente críticas, mantendo a postura esperada de um representante público. Reafirmo, falo como mulher, não institucionalmente e muito menos politicamente. Este é o posicionamento de uma cidadã, exercendo seu direito democrático de discordar.