segunda-feira, 20 de julho de 2015

MORRE, NO RECIFE, O MÉDICO MASTOLOGISTA, Dr ANTONIO FIGUEIRA

         
 
             O médico mastologista Antônio Figueira, mais conhecido como Tota Figueira, faleceu na manhã desta segunda-feira no Hospital Memorial São José, no Recife, onde estava internado com um quadro de infecção generalizada. Tota Figueira tinha 68 anos, nasceu no Recife e se formou em Medicina na turma de 1971 pela Faculdade de Ciências Médicas da Universidade de Pernambuco.

          Era conhecido como um dos maiores especialistas brasileiros em mastologia, área das ciências médicas dedicada ao estudo da mama. Ele se especializou na Universidade de Oxford, na Inglaterra. Foi presidente da Sociedade Internacional de Mastologia e em Pernambuco criou a Associação Pernambucana dos Amigos do Peito.
CARREIRA


          Tota Figueira foi professor do curso de medicina da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e era integrante da Academia Pernambucana de Medicina. Também lecionou na Universidade de Pernambuco (UPE). Em 2014 chegou a ser eleito diretor da UPE para um mandato de quatro anos. O médico também era consultor científico do Instituto Materno Infantil de Pernambuco (Imip), instituição que foi fundada pelo seu tio, Fernando Figueira. Tota era viúvo, deixa quatro filhos e quatro netos.


Em nota a UPE decreta 77 (sete) dias de luto pela morte de Tota.