terça-feira, 19 de abril de 2016

ADRIANO TENÓRIO PEDE DESFILIAÇÃO DO PSD POR NÃO CONCORDAR COM POSICIONAMENTO NA VOTAÇÂO DESTE DOMINGO

             



                                O jovem garanhuense Adriano Tenório desabafou, em rede de relacionamento sua insatisfação com o partido PSD. O motivo foi por discordar do direcionamento do mesmo na votação do impeachment. Militante político ao lado das causas populares, ele escreveu um desabafo:

                    "O domingo de trevas na política brasileira passou e confesso que amanheci triste por ver o meu país sendo refém de verdadeiros e comprovados pilantras. Refém do tipo de gente que sente prazer em escravizar e humilhar os mais pobres. A maioria, bandidos da pior qualidade que usaram a tortura como ferramenta covarde de prática do poder. Alguns nojentos que traíram seus eleitores e suas nubladas histórias, já que não conseguem vencer nas urnas há mais de 14 anos e que agora rasgam a constituição e anulam os votos democráticos da população. Covardes que acusam a Presidente Dilma de algo que ela não cometeu. Gente perigosa que manipula e possui força nos meios de comunicação e nas instituições públicas dos três poderes. Só lamento ver que tanta gente se deixa enganar com a mais falsa ideia de combate à corrupção. Sendo assim, não posso concordar com atitude do partido ao qual me filiei, o PSD, apesar de respeitar as decisões de quem o comanda no estado e em nível nacional. Partido que tive a oportunidade de trocar muitas boas ideias com pessoas que prezo, para minha cidade e região, mas que nos últimos dias tomou um rumo que considero errado. 

              Mais do que nunca estou convencido de que estou do lado certo, o lado humanista, o lado que sempre lutou com o pensamento focado na melhoria coletiva e mais aproximado de verdade dos ensinamentos de Deus. Triste sim, mas completamente disposto a lutar pelo que é correto e justo.


Vamos pra frente! Que Deus proteja nosso país!"