terça-feira, 14 de junho de 2016

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS MANTERÁ SEUS TRADICIONAIS DEZ DIAS







                       O 2º Festival de Inverno de Garanhuns, realizado pelo Governo do Estado de Pernambuco, em parceria com a prefeitura da cidade de Garanhuns, desde 1990, este ano trouxe vários dissabores e  uma grande polêmica desencadeada pelo Prefeito Izaías Régis e vereadores da oposição, quando os vereadores solicitaram uma investigação normal, através do MP, pedindo mais transparência no valor da contratação de atrações por parte da Prefeitura. Régis, se sentindo ofendido, decidiu não mais trazer as atrações musicais nos dois dias que ficariam sob sua responsabilidade, a menos que o MP apresentasse resultados à denuncia formulada em tempo hábil, deixando o fig com a grande possibilidade de se realizar em apenas oito dias na praça de eventos, a maior concentração de público no evento. A "briga" dividiu opiniões.

             Entre conversas e negociações, a notícia oficial de que o FIG continua com 10 dias, foi dada à Comissão Especial do Fig, e convidados, na tarde desta segunda-feira (13), no Palácio do Campo das Princesas, na capital pernambucana, pelo Chefe da Casa Civil de Pernambuco, Antônio Figueira. 

         À comissão, presidida pelo empresário e ex-vereador Mário Faustino e ao Blogueiro  Gidi Santos, com exclusividade, Figueira garantiu que: “O formato original do Festival de Inverno de Garanhuns, onde tradicionalmente dez dias são dedicados a programação oficial está garantido. Está garantido também as dez noites de shows na Praça Mestre dominguinhos”.

              O advogado, ex-secretário de Desenvolvimento Econômico de Garanhuns, Alexandre Marinho, defendeu após o término da reunião, que a abertura do diálogo com o Governo do Estado foi a maior conquista da Comissão. “Mais importante do que garantir os dez dias do fig foi à abertura desse canal de dialogo entre a sociedade de Garanhuns e o Governo Estadual. Essa foi sem dúvidas a grande conquista, já que podemos discutir não apenas o FIG, mas as demais ações do Governo em Garanhuns”, disse Alexandre. A defesa de Marinho também foi compartilhada por Mário Faustino. “O Governo do Estado vai abrir as portas pra gente. Onde tiver um problema, vamos poder equacionar”, garantiu Mário.

         Com a garantia dada pelo Chefe da Casa Civil, a população de Garanhuns continua muito dividida quanto a formatação do evento. Alguns comemoram o feito da comissão, e convidados, outros batem pesado no fato de que não existe essa mesma unidade na hora de brigar por mais saúde, educação e efetivação de politicas públicas, muito mais necessárias ao momento que estamos vivendo. Ainda mais , que o FIG não se resume a praça Mestre Dominguinhos, mas toda a essência da verdadeira cultura que desfila em outras linguagens como oficinas, shows, cortejos, performances, intervenções, recitais, vivências criativas, espetáculos, desfiles, palestras, debates, exposições, mostras, encontros, ações de patrimônio cultural e outras atividades artístico-culturais e pólos que valorizam nossa cultura. 

             Além de Figueira, estiveram representando o Governo de Pernambuco, o Dr. Ivan Rodrigues, Secretário de Planejamento e Gestão da pasta,  a Presidente da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), Márcia Souto, que na ocasião também representava o Secretário de Cultura de Pernambuco, Marcelino Granja. Representando a Comissão Especial do Fig, estiveram: o Presidente, Mário Faustino, Edival Veras, Ivan Júnior e Zé Mário, além do advogado e ex-secretário de Desenvolvimento Econômico de Garanhuns, Alexandre Marinho. Compõem ainda a comissão e não puderam comparecer a audiência, por motivos superiores; o acadêmico de engenharia, John Capitó, o Maçom e Professor, Ricardo Marques de Noronha, o Deputado Estadual Claudiano Martins e seu assessor direto, Saulo Malta, o "Saulinho" e o Jornalista Gidi Santos. Semana passada, parte da Comissão  havia garantido junto ao Secretário de Cultura Marcelino Granja, que a 26ª edição do Festival mantivesse dez dias em sua programação oficial, que ocorre em diversos polos espalhados pela cidade.

        O 26º Festival de Inverno de Garanhuns será realizado no período de 21 a 30 de julho.