MAGIA DO NATAL: ARTISTAS GARANHUNENSES FAZEM ESPETÁCULOS NOTA DEZ,

            

            Desde do ultimo dia 11 de novembro estamos vivendo a doce “Magia do Natal” em Garanhuns. Na tarde de sábado fui, acompanhada por Walderia Santana, ver o Desfile do Papai Noel, e ouvir a inexplicável Andréa Amorim cantar a Ave Maria, pontualmente as 18 horas, na sacada da Prefeitura. Momentos mágicos de muita emoção, toques e retoques cardíacos, como diria Aninha.


          O show é  visto por todos os lados. Nas praças, no povo, nas crianças, nos carros, no céu... Na mágica história da vida que passa a ser relembrada, e mais afeiçoada, nessa hora.


         A Magia do Natal em Garanhuns está sendo uma curtição enorme, pelas beleza das ornamentações, pelas visitas que nos chegam de todos os lugares, pelos artistas incríveis que se apresentam majestosamente no palco consagrado ao encontro e mistura de ritmos, absorvidas no show de nota dez da Carlinha Marques, Amanda Back, Marcelo Francisco, Andrea Amorim, Neander,  Hercinho, Belinha Lisboa e demais que aqui aportaram sua raça e talento,  em uma magia do reencontro em doses lentas de bebida  que deve ser degustada devagarzinho. 


       Já no show apoteósico de Kiara Ribeiro, ficamos extasiados pela injeção de brasilidade, de força na raça que sobrevive com alegria, mesmo em tempos de falta de cultura e de boas músicas.  Costumo dizer que ela nos agracia com doses extravagantes de uma felicidade sem fim, qual um vinho que, quanto mais velho, mais apurado fica...Talvez uma cachaça das boas, como ela mesma que nos levou em um voo de águia cor de rosa, abriu suas asas e fomos todos e todas, generosamente, explorando o espaço. Nesse vislumbrar majestoso, me trouxe muitas lembranças de nossos antepassados... Emoção e encontro. 

      E ela, Kiara rainha dançante, aterrizou trazendo com segurança, talento e maestria, a enorme responsabilidade de levar o bastão da brasilidade, do samba dos bambas, para essa e as novas gerações. 


         E que a Magia do Natal não mais durma em nossos corações.



Que seja novamente a cada dia.