sábado, 4 de fevereiro de 2017

ADEUS MAURUSAN...HOJE AS LETRAS DA IMPRENSA CHORAM SUA PARTIDA

           
Nas coisas pequenas, mais que nas grandes, muitas vezes reconhecemos o valor dos homens”, já dizia o poeta e eu, mergulhada em uma imensa tristeza, deixo registradas a dor e a saudade da perda de um nobre e fiel amigo com quem dividi mais de quinze anos de lutas pela qualidade e sucesso do jornal O Monitor.

        Nessas horas, nada que se diga corresponderá a verdadeira dor que trazemos ao ver partir um amigo...

Marusca, como o chamávamos carinhosamente era casado com dona Fátima e tinha filhos e netos. Era amante incondicional dos grandes projetos jornalísticos e radialísticos. Era sobrinho e irmão de criação de Marlos Duarte, simbolo municipal das lutas socialistas. 

      Aos familiares, nosso apoio e orações para que Deus lhes dê o alento e conforto, bem como aos amigos de verdade que cultivou em sua vida breve.


             Em meu coração, sempre uma eterna saudade Maurusan, ou nosso amigo MARUSCA..