quinta-feira, 2 de março de 2017

DANIELA MERCURY ACUSADA DE INSULTAR A POLICIA MILITAR





 Segundo nota publicada  no http://www.oreacionario.blog.br/2017/03/daniela-mercury-resolveu-insultar-pm.html, dá conta de que a  cantora Daniela Mercury chegou ao Circuito Osmar com o discurso da defesa da diversidade, mas não quis continuar a tocar quando passou pela frente do Camarote da Polícia Militar, montado próximo à Casa D´Itália, nos Aflitos.

              "A cantora chegou a xingar as pessoas que estavam no camarote e levantou o dedo médio e apontou para os militares e convidados. Segundo folião ouvido por Toda Bahia, ela mandou as pessoas “tomarem no c*”. Quem estava no camarote também vaiou a cantora; foliões que acompanhavam Daniela também vaiavam quem estava no Camarote da PM e também levantavam o dedo médio contra as pessoas.

         Daniela só voltou a tocar quando passou pelo camarote. E disse que o fazia em respeito aos foliões que a seguiam.


                A nota ainda segue “Pois é, a cantora resolveu abraçar de vez o papel de "quebradora de tabu". Começou com o proselitismo de suas escolhas pessoais, foi avançando para a afronta contra tudo o que ela rotula como "conservador" e agora se dirige a instituições como a PM, onde milhares de homens e mulheres se colocam como guardiões da ordem e da vida (incluindo a vida da própria cantora).

            Não deve ser uma mera questão de ódio, já que estes posicionamentos de Daniela são relativamente recentes. Isso é uma consequência tardia da decadência. Ciente de que seus dias como artista descambavam para o ocaso, a cantora viu na infâmia o seu ganha pão. Sabe que encontrará palanque fácil junto aos radicais que lotam as redações, que seu nome será mantido em evidência por conta desses rompantes friamente calculados. Se fosse uma adolescente, seria fácil ironizar essas birrinhas afirmando que o pai chora no chuveiro pelo que a filha se tornou. No caso de Daniela, é ela quem certamente chora no chuveiro ao perceber que precisa de protagonizar esse freakshow para manter a carreira respirando por aparelhos.

              Em tempo: Daniela está sendo criticada por extremistas do movimento negro por ter usado peruca black power e maquiagem para escurecer a pele em uma de suas apresentações no mesmo trio usado para insultar a PM. Os extremistas estão acusando a cantora de fazer "black face". Quem com os porcos se mistura, farelo come.”