quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

MÉDICO DIZ QUE MENINA RAPTADA EM PANELAS FOI ABUSADA SEXUALMENTE

            
 Foto: Google Street View

            A constatação foi feita pelo médico após examinar a menina em uma unidade de saúde de Catende, cidade onde ela foi encontrada nesta quarta-feira (27).

          A menina foi levada para uma unidade de saúde de Catende após ser encontrada

             O médico que atendeu a menina de 3 anos, raptada em Panelas na véspera de Natal e encontrada em Catende, nesta quarta-feira (27), afirmou que ela foi vítima de abuso sexual. Segundo o médico Flávio Augusto, da Policlínica de Catende, exames constataram que o hímen da criança havia sido rompido. No entanto, não foi possível precisar quando o estupro teria ocorrido.

        Após passar pelos exames iniciais em Catende, ela foi encaminhada para a Delegacia de Polícia de Palmares, na Mata Sul do Estado. Em seguida, a criança será levada para o hospital da cidade. Até o momento, não há nenhum parente ao lado da menina, que está sendo acompanhada pelo Conselho Tutelar.

               Rapto

           A menina foi raptada dentro da casa dos pais, localizada no distrito de Cruzes, Zona Rural de Panelas, na véspera de Natal. De acordo com a Polícia Militar, pelo menos três pessoas estariam envolvidas no crime, que pode ter sido premeditado.

           Testemunhas afirmaram que, no dia do rapto, homens estacionaram um carro em uma rua distante da residência da família e perguntaram aos vizinhos onde mãe da criança morava.

          Um vizinho teria conduzido um dos suspeitos até a casa da criança enquanto o outro esperava no carro. Em um descuido, os bandidos pegaram a menina e ameaçaram a mulher com uma arma.

Suspeito preso

        Um dos três suspeitos do crime foi preso na segunda (25). Ele foi levado para a Delegacia de Bezerros, onde o caso está sendo apurado.

Carro localizado


        O carro usado para levar a menina da casa dos pais foi encontrado na manhã desta quarta-feira (27), em uma garagem, no município de Garanhuns, Agreste do estado. O veículo estava em uma garagem no bairro de Massanranduba. Dentro do automóvel foram encontrados cinco aparelhos de celular e drogas.

           Alguns adesivos que ilustravam o capô e a frente do carro foram retirados para descaracterizar e dificultar no reconhecimento. Ninguém estava no local no momento da abordagem. O carro foi levado para a 2ª Delegacia de Polícia Civil para ser periciado.



http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/cidades/policia/noticia/2017/12/27/medico-diz-que-menina-raptada-em-panelas-foi-abusada-sexualmente-321698.php