domingo, 14 de janeiro de 2018

EM 24 HORAS, PERNAMBUCO DIZ ADEUS PARA DOIS GRANDES COLUNISTAS SOCIAIS

             

   
           Morreu neste sábado, num hospital do Recife, o colunista social e apresentador de televisão Toni Almeida, de 66 anos. O profissional foi diagnosticado com câncer de próstata no final de 2017, foi operado há poucos dias no Hospital Maria Lucinda, no bairro da Jaqueira, mas teve complicações após a cirurgia e faleceu. Ele deixa esposa e dois filhos.

             Toni Almeida atuou em diversos veículos de comunicação do Recife, dentre eles a TV Pernambuco e a Televisão Jornal do Comercio.

              Cobria festas, realizava entrevistas, mostrava o universo das socialites da capital pernambucana.

             Antes da doença estava apresentando um programa na Rádio Tropical FM, no bairro de Campo Grande.

O corpo do apresentador será velado no Cemitério Morada da Paz em Paulista, na Região Metropolitana.

            Um site recifense informou que Toni Almeida pediu para ser cremado e que suas cinzas fossem jogadas sobre o estádio do Arruda, do seu querido Santa Cruz.

           O apresentador morreu apenas um dia depois de Jota Lagos, também colunista social, que atuava em Caruaru.

*Foto: Jornalista João Alberto (DP).



               Morreu na ultima sexta-feira (12) o colunista social Jota Lagos, profissional que atuava em rádio, televisão, jornais e sites, tendo com sua principal base de trabalho a cidade de Caruaru. Ele faleceu na Casa de Saúde Santa Efigênica, aos 69 anos, vítima de edema agudo pulmonar.

         O corpo do jornalista será sepultado neste sábado, no Cemitério Parque dos Arcos, na capital do Agreste.