sábado, 20 de janeiro de 2018

UBE COMPLETA 60 ANOS DE LETRAS E HISTÓRIAS

           
            A União Brasileira dos Escritores de Pernambuco – UBE, foi fundada em 17 de janeiro de 1958, nas dependências de “O Gráfico Amador”, no Recife em decorrência de uma campanha liderada pelo escritor Paulo Cavalcanti, que se tornou seu primeiro presidente e foi produto da transformação da Associação Brasileira de Escritores – ABDE, entidade criada em 1945, com seccionais em São Paulo, Rio de Janeiro e Pernambuco. 

          Abelardo da Hora, o poeta e artista plástico avançado, criador do atelier Arte Moderna e do ambiente que propiciou a geração de movimentos como os de Cultura e Teatro Popular do Nordeste, foi presidente da ABDE, que contou com a participação de Paulo Cavalcanti, Carlos Pena Filho, Parmínio Asfora, Maurílio Bruno e Clóvis Melo. 

           A ABDE sofreu cisão profunda em 1950, o que levou Paulo Cavalcanti a criar a UBE, e assim recompor a unidade fragmentada dos escritores. Surgindo com a denominação “União”.  

          Carlos Pena Filho foi aclamado presidente da Assembleia Geral e organizou os eventos que constituíram a primeira Diretoria eleita: Paulo Cavalcanti: presidente, Carlos Moreira: 1º vice, Cesário de Melo: 2º vice, Mauro Almeida: 1º secretário, José Gonçalves de Oliveira: 2º secretário e Edmir Domingues: tesoureiro. 

         Suas atividades foram suspensas durante o período da Ditadura de 1964. Em 1984, uma grande campanha liderada pelo grande escritor Paulo Cavalcanti, a UBE ressurge novamente, com força. A sede foi uma sala no Espaço Pasárgada, na Rua da União. Recebeu, inicialmente, em comodato, da Prefeitura do Recife, na gestão do prefeito Gilberto Marques Paulo, que sancionou a Lei 15.740/92, um casarão na Rua de Santana, 202, Casa Forte, onde instalou sua sede própria, a Casa do Escritor Pernambucano, e que, agora, passa pelo processo final da doação, autorizada pela Lei 16.631/2000 de autoria do então vereador Admaldo Matos e sancionada pelo então prefeito Roberto Magalhães. 

           Atualmente, a UBE tem como presidente o escritor Alexandre Santos, que vem desenvolvendo um maravilhoso trabalho de articulação literária, sempre buscando a valorização dos escritores. Em 2017 a UBE realizou uma grande campanha de expansão nacional, com a criação de secções estaduais e núcleos municipais. 

          Em Garanhuns, o presidente regional da UBE é José Renato e, o vice, Ronaldo César. 
“Sinto-me feliz por estar à frente de um núcleo da UBE, nele tenho a possibilidade de aprender cada vez mais e também o privilégio de descobrir grandes talentos. Festejamos com muita alegria, 60 anos de uma instituição tão grandiosa, que sempre buscou oportunizar através da literatura”, disse Jose Renato Siqueira.